5 coisas que aprendi sobre atendimento ao cliente no Relate LIVE

Venda mais | Nenhum comentário

No dia 15 de Março de 2016, a Thaís Costa, nossa atendimento ao cliente, foi acompanhar o evento Relate LIVE, promovido pela Zendesk em São Paulo.
Estavam presentes palestrantes como Ed Lee (Prefeito De San Francisco), Washington Olivetto (W/McCann), Mikkel Svane (CEO @Zendesk) e Jon Wolske (Culture Evangelist @Zappos), dentre outros grandes nomes.

atendimento ao cliente zendesk relate live

No Relate Live São Paulo foram discutidas novas técnicas, melhorarias na experiência dos clientes e a criação de um relacionamento mais duradouro. Pedimos pra Thaís reunir 5 coisas que ela aprendeu lá pra compartilharmos com nossos leitores. Confira as dicas!

 

atendimento ao cliente
Thaís Costa, atendimento da Camila Porto Empreendimentos

5 coisas que aprendi sobre atendimento ao cliente no Relate Live da Zendesk

1. O relacionamento com o cliente tem muito impacto no seu negócio

Mikkel Svane, CEO da Zendesk, falou sobre a importância do relacionamento com o cliente e como, ao mesmo tempo, isso é complicado nessa nova geração. Nos negócios, não se trata mais só de preço, de produto ou logística, mas de como o cliente se sente. Quando ele é bem atendido tende a voltar mais vezes e até gastar mais.

Atualmente, os consumidores não influenciam somente seus amigos e parentes. Devido às redes sociais eles ganharam mais poder, influenciando assim centenas de pessoas ao redor do mundo.

Por isso é extremamente importante cuidar de como a sua empresa se relaciona com seus clientes, antes, durante e depois do processo da negociação. Os consumidores estão cada vez mais preocupados em como você faz negócios, não apenas em como você o vende.

 

relate live são paulo 2016

2. Você conquista mais clientes falando a verdade

Washigton Olivetto contou que aprendeu com seu pai, na adolescência, a importância de conquistar a confiança do cliente através do atendimento. Para isso, fale sempre a verdade, mesmo que resposta seja um “não sei” ou “erramos”. Isso ajudará a construir e manter a confiança com o seu cliente.

fale sempre a verdade, mesmo que resposta seja um “não sei” ou “erramos”

3. O que vem por preço, por preço vai embora. O que vem por valor, fica.

Leo Piccioli, Managing Director da Staples, cita uma pesquisa dos EUA que de cada 10 clientes, 9 pagariam mais por uma melhor experiência. Ou seja, a experiência do consumidor com o atendimento ao cliente é a chave para a rentabilidade do seu negócio. Invista no atendimento ao cliente, invista nas pessoas que atendem.

 

…de cada 10 clientes, 9 pagariam mais por uma melhor experiência.

4. Olhe nos olhos do cliente, ouça-o e faça algo a respeito

Leo Piccioli enfatizou em sua palestra que devemos atender como gostaríamos de ser atendidos, entender o que o cliente sente. Para isso, toda a empresa precisa estar mais próximo possível do cliente, isso inclui gerentes, diretores, CEOs.

Cerca de 70% das experiências de compra são baseadas em como o cliente é tratado

Cerca de 70% das experiências de compra são baseadas em como o cliente é tratado, por isso é importante se colocar no lugar do outro e, para isso, nada melhor do que saber de perto o que o seu cliente pensa sobre o seu negócio.

Jon Wolske, Culture Evangelist da Zappos

5. Entregue além do que seu cliente espera (Entregue o “Uau!”)

Jon Wolske, Culture Evangelist da Zappos, contou que a estratégia de negócio da empresa desde 2005 tem sido investir na cultura organizacional, acreditando que isso aumenta a produtividade do colaborador, a qualidade do atendimento ao cliente e reforça a marca.

Para entregar o além do esperado, não é preciso gastar rios de dinheiro (…) Basta muitas vezes você fazer uma coisa simples: ouvir seu cliente! (…) Como seres humanos, nós queremos atenção. Quando um cliente entra em contato, ele quer falar, então apenas ouça-o.

Para entregar o além do esperado, não é preciso gastar rios de dinheiro, dar descontos ou brindes, por exemplo. Basta muitas vezes você fazer uma coisa simples: ouvir seu cliente! Mas é preciso genuinamente prestar atenção naquilo que ele está contando e, é claro, responder com base no que ele falou. Como seres humanos, nós queremos atenção. Quando um cliente entra em contato, ele quer falar, então apenas ouça-o.


Muito legal né? Então aproveite estas dicas e comece a implantar hoje mesmo uma política de relacionamento com seus clientes. Por falar nisso, que tal começar a pensar em transformar seus fãs em clientes? Baixe agora mesmo o e-book “Transforme Fãs em Clientes”!

Como transformar fãs em clientes no Facebook

VOCÊ PODE GOSTAR...
VOCÊ PODE GOSTAR...
VOCÊ PODE GOSTAR...
VOCÊ PODE GOSTAR...
VOCÊ PODE GOSTAR...
VOCÊ PODE GOSTAR...
VOCÊ PODE GOSTAR...

Pesquise no blog

VOCÊ PODE GOSTAR...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.