6 motivos para você começar a usar hoje o Facebook Analytics

Facebook | 10 Comentários

Você já usa o Facebook Analytics no seu negócio? Essa é uma ferramenta nativa do Facebook que te ajuda a obter informações importantes sobre a sua fanpage e o seu site.

Umas das coisas mais importantes quando falamos em marketing online, é a possibilidade que ele nos dá de medir e mensurar nossos resultados. Isso porque, tudo que pode ser medido pode ser melhorado.

Nesse sentido, o marketing digital nos permite analisar a eficácia e a eficiência de todas as ações e estratégias que implantamos. E a partir do momento em que se sabe qual é o canal que te dá mais retorno, você passa a investir com foco no que funciona e assim tende a melhorar seus resultados.

Como medir os resultados?

Quando falamos em mensuração de resultados online, a ferramenta mais falada tende a ser o Google Analytics. Ele permite medir e analisar dados de acesso de sites que te ajudam a entender melhor o comportamento do seu público.

Mas a ferramenta que queremos indicar hoje é o Facebook Analytics. Um recurso nativo do Facebook que permite coletar a analisar os números não só do seu site, mas também da sua fanpage.

Como acessar o Facebook Analytics

O primeiro passo para poder utilizar o Facebook Analytics é ter o pixel do Facebook instalado em seu site. Se você ainda não sabe o que é isso ou não tem ele instalado, falamos mais sobre ele nesse texto.

Se você já tiver o pixel no seu site, você deve:

Passo 1. Acessar o site http://www.facebook.com/analytics;

Passo 2. Selecione o que você deseja analisar. Nesse ponto, você pode optar por selecionar apenas a sua página, apenas os dados do seu pixel ou ambos;

Passo 3. Depois de selecionar o que deseja analisar, clique em Grupo selecionado;

6 motivos para você começar a usar hoje o Facebook Analytics

Passo 4. Feito isso, você já terá acesso aos dados que o Facebook Analytics tem sobre o seu negócio.

6 motivos para você começar a usar hoje o Facebook Analytics

Se você já tem o pixel instalado no seu site, acessar os seus dados é fácil e rápido. O Facebook Analytics acaba tornando isso ainda mais simples e tudo isso de maneira gratuita.

Para você entender melhor a importância desse recurso, separamos 6 motivos para você começar a usá-lo hoje mesmo.

6 motivos para você começar a usar o Facebook Analytics

1. O recurso é totalmente gratuito

O primeiro motivo para você começar a usar o Analytics do Facebook hoje é extremamente simples, mas muito importante: ele é gratuito.

Ou seja, você não tem desculpa para não medir seus resultados.

2. Permite analisar fanpage e site

Ao contrário do Google Analytics, que mede apenas os resultados do seu site, ou do Facebook Insights que traz informações apenas sobre sua página, o Facebook Analytics reúne o melhor dos dois mundos.

Ele coleta e agrega dados tanto da sua fanpage quanto do seu site, permitindo que você cruze informações e faça uma análise mais completa das suas ações.

Mas para isso funcionar, você precisa ter o pixel do Facebook em seu site. Assista essa aula para saber mais sobre o pixel.

3. Possibilidade de cruzar os dados do Facebook e do Google

O terceiro motivo é que você pode combinar e cruzar os dados do Facebook Analytics com os do Google Analytics.

Assim, certamente, você terá dados a mais, já que as duas ferramentas não são iguais.

6 motivos para você começar a usar hoje o Facebook Analytics

4. Funis para medir resultados

O quarto motivo é a possibilidade de medir resultados com base em funis que você cria na ferramenta.

Se você tem um pixel instalado em seu site, poderá criar funis. Eles vão te ajudar a enxergar em que momento da sua estratégia você está acertando e em quais está errando.

6 motivos para você começar a usar hoje o Facebook Analytics

Na imagem acima, por exemplo, temos um funil de lead para venda. Com ele, é possível identificar quantas pessoas estão entrando no site, quantas se tornam lead e quantas delas compram dentro do período estabelecido.

Nesse caso, temos que de todas as pessoas que acessaram o site, em média 56% se tornaram lead. E dentre esses usuários que se cadastraram, no intervalo de tempo determinado, apenas 1% virou cliente.

Além disso, esse exemplo ainda mostra que das pessoas que iniciaram uma compra, 26% abandonaram o carrinho. Ou seja, o funil do Facebook Analytics ajudou a identificar um outro ponto de melhoria.

Com isso, é possível começar a pensar no que é preciso melhorar. Nesse exemplo, o problema não está necessariamente na geração de leads, mas sim no checkout. Então, começa-se a pensar no que é preciso melhorar nessa parte do processo para aumentar o número de leads que se tornam clientes.

Quando se tem uma visão clara das etapas que o cliente percorre fica mais fácil identificar onde estão os problemas e como é possível melhorar os resultados.

5. Jornadas

No início de 2018 aconteceu o F8, um evento do Facebook no qual são apresentadas as novidades que estão por vir para a ferramenta. Uma delas foi o recurso das jornadas.

As jornadas são como mapas que registram onde determinado usuário começou e onde terminou de acessar seus conteúdos. Por vezes, as pessoas começam a jornada num dispositivo e vão para outro.

6 motivos para você começar a usar hoje o Facebook Analytics

Nesse exemplo, identificamos que a pessoa iniciou sua jornada no Facebook e terminou na página da web.

Isso vem de encontro ao que muitas pessoas pensam sobre as redes sociais darem ou não resultados. Pois mostra que o Facebook, muitas vezes, atua muito mais como a porta de entrada para que as pessoas conheçam seus conteúdos e seu negócio do que como o local onde elas efetivamente fazem a compra.

Nesse sentido, o Facebook Analytics ajuda a ter a clareza de quanto cada canal ajuda no processo de levar a pessoa até o final da jornada que é efetivamente a compra.

6. Inteligência artificial e insights interessantes

Muitas pessoas têm dificuldade em analisar dados e acabam, por mais que tenham acesso às métricas, não as avaliando por falta de conhecimento.

Para facilitar essa leitura dos dados, o próprio Facebook Analytics traz insights com base nas suas métricas. Ele automaticamente traduz algumas das informações que recolheu, para que você pode entendê-las de forma mais fácil.

6 motivos para você começar a usar hoje o Facebook Analytics

No imagem acima, por exemplo, temos a plataforma informando que pessoas do Rio de Janeiro e usuários usando um telefone passaram mais tempo no site. Talvez, olhando os dados da plataforma, identificar isso fosse mais difícil, mas acaba que a ferramenta auxilia já trazendo esses insights de forma mais clara.

Com esses dados, identifica-se por exemplo, que fazer otimizações do site para dispositivos mobile é importante ou que talvez seja viável direcionar uma verba maior para anúncios segmentados para pessoas do Rio de Janeiro.

É claro que, nem sempre os insights trarão informações super relevantes. Mas tem muitos dados interessantes que você pode aproveitar e que a própria plataforma fornece para você.

Então, se você ainda não usa essa ferramenta, pare de perder tempo e comece a analisar seus dados. É muito importante que você, como empreendedor, conheça o seu negócio, saiba o que funciona e o que não funciona. O Facebook Analytics pode te ajudar com isso.

Conta aqui nos comentários se você já conhecia essa ferramenta ou qual é a forma que você utiliza para medir os resultados do seu negócio.

QUER MAIS?

Para utilizar o Facebook Analytics, você precisa ter o pixel instalado em seu site. Mas você sabe para que ele serve?

Entenda como o Pixel do Facebook pode te ajudar a otimizar e mensurar os resultados dos seus anúncios.

Pixel do Facebook: o que você precisa saber para otimizar e mensurar seus anúncios no Facebook

RECOMENDAÇÃO DE ESPECIALISTA:

Eu acredito que este conteúdo certamente vai te ajudar a chegar mais perto do que você deseja para você e seu negócio. Ele vai te guiar pelos passos iniciais que você precisa trilhar em direção ao RESULTADO.

Mas, na minha opinião, esse é apenas o início do caminho. Se você quer se aprofundar neste tema e ter acesso a um material complementar (mais avançado), recomendo que você acesse o conteúdo complementar a este que você acabou de ler. Basta se inscrever ou clicar abaixo.

Tags:
  • midias sociais

10 Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.