Mídias Sociais Verticais: o que são?

Redes Sociais | Nenhum comentário

Twitter, Orkut, Linkedin, YouTube, Facebook e Foursquare, por exemplo, são redes sociais mais do que populares. De tão famosas, acabam ofuscando as oportunidades que se escondem nas chamadas mídias sociais verticais ou de nicho. Recentemente a PaperCliq divulgou a apresentação “Mídias Sociais Verticais” e, por ter gostado muito do tema, resolvi trazê-lo ao blog.

Por definição, as mídias sociais verticais são as que tratam de temas específicos e que agregam usuários com interesses particulares. Em linhas gerais, elas seriam verticais por abordarem em maior profundidade temas característicos. De acordo com Danila Dourado, as mídias sociais verticais:

“São redes sociais que tratam de temas específicos, e que por isso, conseguem engajar usuários que possuem os mesmos hábitos de consumo e de ócio. O termo vertical remete a qualidade no perfil dos usuários, ou seja, todos estão interessados no tema central da comunidade em questão, ao contrário das redes generalistas ou horizontais que visam a quantidade de perfis cadastrados”.

Exemplos de redes sociais verticais

Existem centenas de redes sociais de nicho ou verticais. O Ning, por exemplo, é uma excelente ferramenta para construir redes sociais verticais. Diversos profissionais e empresas usam esta plataforma para criar suas redes, promover negócios e criar relacionamentos. A rede Gestor de Marketing, Exame PME, Bate-papo sobre e-commerce e a Sou Empresário (Não existem mais), são apenas alguns exemplos de rede sociais verticais.

Vantagens para seu negócio

Ainda de acordo com a apresentação da PaperCliq, o fato de as redes serem bem segmentadas, ajuda a criar valor para o cliente. Em contrapartida, isso gera lealdade e visitantes fiéis. Neste sentido, se sua empresa desejar criar engajamento e fornecer conteúdo focado em sua área de atuação, as mídias sociais verticais podem ser um bom investimento, tendo em vista que nas mídias sociais horizontais está a cada dia mais difícil conseguir a atenção dos consumidores.

Não quer entrar nessa?

Entretanto, se sua empresa não planeja ter uma rede, é possível investir em anúncios em redes já consolidadas, como as acima. Além disso, inserir conteúdo relevante nestas redes em nome da empresa ou de algum colaborador ajuda a comprovar que sua empresa é uma autoridade em seu mercado e, a partir de textos publicados, por exemplo, pode se posicionar como tal.

Para quem não tem interesse em abrir canais, participar de redes segmentadas pode ser até uma alternativa ao blog corporativo. Se sua empresa não tem a intenção de criar um canal como este, é possível usar as redes para publicar o seu conteúdo. Porém, não pense que todas as redes aceitarão apenas propaganda da sua marca. Produza conteúdo relevante para o seu público e para o Google, assim sua empresa provavelmente se mostrará de forma positiva.

Abaixo você confere a apresentação da PaperCliq sobre mídias sociais verticais.

Mídias Sociais Verticais

View more presentations from PaperCliQ Comunicação

Até a próxima!

Tags:
  • rede social horizontal
  • rede social vertical
VOCÊ PODE GOSTAR...
VOCÊ PODE GOSTAR...
VOCÊ PODE GOSTAR...
VOCÊ PODE GOSTAR...
VOCÊ PODE GOSTAR...
VOCÊ PODE GOSTAR...
VOCÊ PODE GOSTAR...

Pesquise no blog

VOCÊ PODE GOSTAR...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.