Taxa de abertura de email marketing: 5 dicas de conversão

Email Marketing | Nenhum comentário

A taxa de abertura de email marketing é uma das primeiras e mais importantes métricas para quem trabalha com marketing digital. Confira 5 dicas

O tema do post de hoje é taxa de abertura de email marketing, um ponto incompreendido para muitos e um grande herói para outros.

Sempre trabalhamos com e-mail na comunicação com nossos seguidores e sabemos que você pode usar.

Apesar de falarmos muito de Facebook Marketing, sempre ressaltamos a importância de não “colocar todos os ovos na mesma cesta”.

Quando tivemos a nossa fan page deletada, recorremos ao e-mail para conversar com os fãs.  Comunicamos que tivemos um problema e que a nossa página no Facebook sumiu.

Apenas com um e-mail e um link, em poucas horas, a nova página já estava com mais de 2 mil fãs.

Se não tivéssemos nos preocupado em manter uma lista de e-mail e, o principal, se relacionar com essas pessoas, teríamos um sério problema.

A Camila sempre comenta sobre a importância de não construir uma casa em terreno alugado.

Apesar de amarmos o Facebook e termos sempre ótimos resultados com ele, sabemos que o Mark pode mudar as regras do seu jogo e te “expulsar”, como já aconteceu com alguns usuários.

Mas, não adianta guardar ressentimentos! O importante é guardar uma lista de e-mails e manter contato com seus seguidores nas redes sociais, no YouTube ou em seu blog, por exemplo.

TAXA DE ABERTURA DE EMAIL MARKETING: O que é e como é calculada

A taxa de abertura de email marketing, é um indicador que mede a atratividade e a performance das campanhas de marketing. A abertura do email é quem diz se o assunto descrito é atrativo (ou não), ao enviar.

Nesse sentido é que muitos profissionais do marketing digital testam os seus emails enviados. O mesmo conteúdo vai com título A, e depois, para outra lista de e-mails, com o título B.

Além disso, com essa métrica, é possível definir o melhor dia da semana e melhores horários, para garantir que seu público irá abrir e ler o seu conteúdo, tanto de dispositivos móveis quanto do PC.

Mas como calcular a taxa de abertura de email marketing? Esse é um cálculo muito simples.

A fórmula para chegar ao valor nada mais é que: número de pessoas que abriram o e-mail / pelo número de pessoas que receberam o e-mail.

Por exemplo, se minha lista de envio tinha 167 mil pessoas e 75 mil clicaram para abrir a mensagem enviada, logo minha taxa abertura de email marketing é de 44,9%.

Nesse exemplo bem básico, sem considerar a taxa de entrega, já seria um ótimo resultado para uma a taxa de abertura de email marketing.

Pesquisas mostram que a taxa média de abertura de e-mail marketing giram em torno de um pouco mais de 20%.

A seguir, vamos apresentar alguns dados sobre essas estatísticas. Além disso, vamos apresentar dicas de boas práticas para aumentar a taxa de abertura dos seus e-mails.

TAXA DE ABERTURA DE EMAIL MARKETING: ESTATÍSTICAS E CURIOSIDADES

Existe uma ENORME diferença entre ter uma lista de e-mails e uma lista de pessoas.

Uma lista de e-mails é uma lista com um monte de endereços de e-mail. Normalmente, você não sabe de onde vieram esses e-mails ao mandar um e-mail para oferecer algum produto.

Uma lista de pessoas é quando você conversa com os endereçados. Mesmo quando você manda um e-mail para 15 mil pessoas, elas respondem e acham que você está falando especialmente com ela.

Relacionamento com a lista, frequência de e-mails certa e conhecer e seduzir a lista. Essas são as primeiras etapas para ter seus e-mails, sejam eles de venda ou conteúdo abertos.

O segredo está em não apenas vender, mas sim em gerar valor.

Esses são aspectos importantes, mas nada como testes e mais testes para ajudar a encontrar outros caminhos para a abertura.

Dados de uma pesquisa do Statista mostram que o mundo chegou a 3,9 bilhões de usuários de e-mails em 2019. Segundo projeção da mesma pesquisa, esse número deve crescer para 4,3 bilhões até 2023.

Esses números apontam para uma grande oportunidade de comunicação com a clientela da sua empresa.

Você já deve ter lido por aí que o melhor dia para fazer o envio de e mail marketing é na segunda-feira, não é mesmo?

Pois um estudo da CoSchedule cruzou informações de muitos outros estudos e listou os resultados mais frequentes. Segundo eles, o melhor dia para enviar e-mails é, na verdade, na terça-feira.

Isso porque, segunda-feira tende a ser um dia muito atarefado. Sem contar que sua caixa de entrada está disputada também pelos e-mails recebidos no final de semana.

E sobre o horário? Eles têm a resposta e o argumento. O estudo mostrou que 10h é o melhor horário. Sabe por quê? Normalmente nesse horário sua audiência já está de pé e na ativa.

Isso significa que eles já abriram seu email e fizeram aquela limpa na caixa de entrada. Você deve estar pensando: qual a vantagem de enviar um email após a caixa de entrada já ter sido analisada?

Justamente por isso, você pode deixar a concorrência dos emails menor na próxima checagem. Sua mensagem ainda terá a chance de estar no topo dos e-mails recebidos, aumentando assim, a chance do clique.

Agora, sabendo do melhor dia e horário, veja quais práticas você pode adotar para movimentar seu negócio com o envio de e-mails.

TAXA DE ABERTURA DE EMAIL MARKETING: COMO TER SEUS E-MAILS ABERTOS

Algumas práticas, quando adotadas, podem dar aquele empurrãozinho que sua audiência precisa para dar a atenção que o seu email merece.

Para escrever seus próximos e-mails considere que:

1. Um levantamento feito pela GetResponse, aponta que taxa de abertura de uma campanha de boas vindas é de 82%. Muito maior que a média de abertura apresentada anteriormente.

Por isso, você pode criar uma ação de e-mails para seguidores recentes, dando as boas vindas.

Nesse e-mail aproveite para adicionar informações relevantes que queira levar até sua audiência, já que poderá aproveitar essa taxa alta de abertura.

2) Os e-mails personalizados têm taxa de abertura maior. Então, que tal programar seu e-mail para levar o nome do usuário no assunto? Algumas ferramentas possibilitam essa inclusão.

3) Se você vende um produto online, poderá incluir um e-mail de recuperação de compra, para quem encheu o carrinho e não finalizou a compra.

Um levantamento feito pela Omnisend, em 2018, mostrou que uma sequência de 3 e-mails, incentivando seus consumidores a concluir sua compra, aumentam em 69% o número de pedidos no site.

4) Interagir com o seu leitor pode ser muito produtivo. Colocar um botão deslizante, um gif, solicitar a resposta de um enigma ou adicionar um vídeo, são algumas ideias.

Quando os clientes entendem que seus e-mails são mais que um boletim informativo, tendem a abrir mais e interagir com o seu conteúdo.

5) Não deixe de testar o seu público. Trazemos aqui dicas sobre usuários gerais, mas você pode ter um público muito específico. Por isso, como falamos anteriormente, faça um teste A/B.

Experimente separar sua lista de envio em 2 grandes grupos. Mande o mesmo e-mail para cada grupo, porém com pequenas alterações. Você pode testar envios, a fim de descobrir:

  • Qual o melhor dia para seus clientes lerem seus e-mails;
  • Qual o horário seu cliente te dá mais atenção;
  • Que tipos de assuntos despertam a curiosidade dos consumidores;
  • Qual conteúdo tem mais retorno de aberturas.

Exatamente tudo que você quer testar para melhorar seu desempenho pode ser feito. Teste e monitore sempre os seus resultados.

Demais taxas para estudar

Além da taxa de abertura de email marketing, existem outras taxas, que juntas, vão apontar se a sua campanha teve sucesso ou não. São elas:

Taxa de entrega

A taxa de entrega irá mostrar qual a qualidade da sua lista de transmissão. Quanto maior ela for, mais sua lista está propícia a receber e aceitar seu conteúdo.

Os fatores que atrapalham sua taxa de entrega são vários, como: endereços duplicados, erro de digitação, erro de comunicação com o servidor da sua audiência, contas inexistentes ou duplicadas.

A dica aqui é sempre buscar limpar a sua base de emails antes dos seus disparos e evitar o uso de palavras que podem configurar spam.

Taxa de cliques

A taxa de clique define a capacidade de convencimento ou venda do seu conteúdo. Mostra a quantidade de cliques realizados na sua campanha. Em geral, uma taxa acima de 3% é considerada boa.

Quando for enviar um link no corpo do email, certifique-se de revisá-lo, para que as pessoas sejam redirecionadas corretamente. Além disso, deixe-o visível e com fácil acesso dentro do conteúdo.

Taxa de conversão

Define o alcance do objetivo da sua campanha. Muitas pessoas acreditam que ela esteja relacionada a venda, mas não é bem assim. Tudo depende do que você deseja com o envio do seu e-mail.

Às vezes o objetivo é o download de um material, uma curtida em uma foto e a leitura de um texto. Ou seja, o conteúdo do seu e-mail tem que estar de acordo com o seu objetivo para a taxa de conversão ser alta.

Bem, são muitos dados sobre a taxa de abertura de email marketing interessantes e que podem ajudar a trazer mais elementos para suas estratégias de envio.

 Saiba Mais: Preparamos uma seleção e livros sobre o tema para você explorar mais este assunto

Esses livros são conteúdos que você precisa saber para elaborar suas campanhas, melhorar sua conversão e taxa de abertura de email marketing.

Tags:
  • social sell
VOCÊ PODE GOSTAR...
VOCÊ PODE GOSTAR...
VOCÊ PODE GOSTAR...
VOCÊ PODE GOSTAR...
VOCÊ PODE GOSTAR...
VOCÊ PODE GOSTAR...

Pesquise no blog

VOCÊ PODE GOSTAR...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.